Parceiros

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Pendengas


hoje é quarta-feira
e minha vida está um caos.
poesia, amnésia, ou pendências
judiciais?

tacos soltos, colchão velho,
reboco caindo: a casa, no osso.
o negócio é mover os ponteiros
para trás!

6 comentários:

ADiniz disse...

Eu moveria pra frente estes ponteiros, pois pouco ou nada se pode fazer no temo passado.
Mas ha algo que se pode fazer de bom grado mesmo passado algumas horas é ler-te, pois tuas palavras encantam de já, um belo presente.
Querida Cynthia que esta terça seja cheia de sou a vc, bjinhos.

Cynthia Lopes disse...

Ana, como é bom ter um pedacinho de vc aqui, neste meu encanto! bjs

Daniel Hiver disse...

Você me fez pensar agora! Não que não costume pensar. É que de tanto pensar e repensar, ao ler esses versos pensei nessa coisa inusitada de imaginar a possibilidade de voltar no tempo.
Seria tão bom... Eu voltaria no tempo... Mudaria algumas coisas... Qu pena que não dá!

Cynthia Lopes disse...

Daniel, rsrsrs... jamais imaginei que vc não pensasse e amei a sua identificação com o poema. bjs

Daniel Hiver disse...

Voltei ao irresistível poema. Originalíssimo... E bem próximo de mim!

Cynthia Lopes disse...

Daniel, que bom! Amei a sua visita. bjs