Parceiros

segunda-feira, 8 de junho de 2009


















chuva densa cai
lava todas as coisas:
resta a lama.

10 comentários:

Movimento virArte disse...

olá amiga,
postei poema seu no Varal Virtual, passe lá depois.
abraço.
wilson guanais

Cynthia Lopes disse...

Brigadão, Wilson! Bjs

neli araujo disse...

Triste, né, Cynthia?
Gostei, amiga!
beijocas

Ricardo Kersting disse...

Olá Cynthia.
São as águas e seu destino. Não podemos culpar a natureza. Alguma coisa fizemos antes. Pena que quem paga a conta são aqueles menos favorecidos. Essa injustiça nem a própria "Mãe natureza" conseguiu reparar.
Beijo

Múcio L Góes disse...

cynthia, td bem?

PaulinhoAndrade viu seu comentário no poema dele, lah no traversuras, e pediu um contato seu para mandar uma amostra do trabalho dele, podee ser? ele nao tem blog =/.

brigado, bjos!

Cynthia Lopes disse...

Neli, triste é ver todos os anos os mesmos acontecimentos e nenhuma resposta efetiva das autoridades!
Triste é ver que quem sofre não são eles, mas sempre quem vive nas periferias. Triste é saber que a chuva cai pela mão do homem, que destroi o meio-ambiente e tudo em que toca!

Cynthia Lopes disse...

Ricardo, de forma alguma a culpa é da natureza. A mesma resposta que dei para minha querida Neli eu estendo a você, ok? bjs

Cynthia Lopes disse...

Múcio, td bem! Esteja a vontade. bjs

Mara faturi disse...

Queridíssima,
belo haicai para imagem "desconcertante"...me desaguo um pouco com as dores do mundo, da natureza...
grande bjo!

Cynthia Lopes disse...

Mara, me "desaguo" sempre com as dores do mundo! Dói um bocado, mas também me move para fazer algo pelos outros através do que acredito. bjs