Parceiros

domingo, 4 de maio de 2008

Reciprocidade

meu ungüento
sua cura
no espelho
sua cara
meu querer
sua pele

um carrossel que
gira-girando...

minha
ca
be
ça
tonta,

meus olhos
nos seus

(e vice-versa)

2 comentários:

Adolfo Payés disse...

vice-versa también mis pensamientos, y sobre todo con tus ternuras palabras que llenan el espacio vació que siento, pero en tus versos encuentro y lo lleno con ternura. un abrazo saludo y un beso

Cynthia Lopes disse...

Tão bom Adolfo saber que minhas palavras, de certa forma, encorajam, inspiram e preenchem espaços no seu coração. Saiba que seus versos também permanecem em meu coração, como música aos meus ouvidos contando seus segredos e dores. Um grande abraço e meus bjs