Parceiros

domingo, 8 de fevereiro de 2009

Saudade...






amores muitos
nostalgia do corpo: nas
notas do violão.

4 comentários:

Ricardo Kersting disse...

O violão é um cúmplice, parceiro e confidente! Invejo aqueles que conseguem usar essa parceria para transformar saudade em música e poesia! É muito difícil minha poeta. Esse teu verso deu na "veia".
Beijos

Cynthia Lopes disse...

Ai, que bom! Minha inspiração está bem aí, Paulinho da Viola, vc chegou a ouvir a canção? Escute, é uma de minhas prediletas dele... com certeza vai "dar na veia", bjs

Adolfo Payés disse...

muchos amores verso del alma . poeta del silencio compartido..

hermoso poeta

saludos fraternos

Cynthia Lopes disse...

Ser esta poeta que compartilha do teu silêncio, da tua quietude de alma, é um privilégio... gracias por su ternura, siempre.