Parceiros

domingo, 15 de fevereiro de 2009

Um dia

preto no branco,
tudo claro e franco.
um chora, o outro
sai fora!

6 comentários:

Ricardo Kersting disse...

Apesar da crueza das palavras, estes versos são perfeitos..
Ainda há muita beleza.. e não tentaria sair..eu não!
Beijos

Cynthia Lopes disse...

rsrsrs... é bom saber, bjs

Adolfo Payés disse...

ese día siempre estaré leyéndote, en silencio

un abrazo inmenso con el cariño de siempre..

un beso

carmen disse...

Muito bom este poema...
Claro e suscinto!
bjs

Cynthia Lopes disse...

No silêncio sempre estamos juntos, lado a lado meu querido amigo! Muchas gracias y muchos besos llenos de cariño...

Cynthia Lopes disse...

Obrigada, muito obrigada Carmen por teres deixado teu comentário. bjs